Quando já nada é intacto:

Há dias que dou por mim a fazer coisas que não sou eu. E a ser uma coisa que não sou eu. Há dias em que acordo num corpo diferente e não consigo sair de lá, fico a assistir a uma consequência de acontecimentos que não sou eu mas que saem de mim.

Paradoxos:

Gostar de alguém e não estar com essa pessoa.

A Ivone e eu:

"Já te vi sobria e a dançar muito porcamente."

Contra factos não há argumentos:

As mulheres nunca dizem nada só por dizer.

Dúvidas:

As pessoas que julgam os participantes dos reality shows, acham que o preconceito é sinal de...?

Isso, falta de inteligência. É no mínimo contraditório.

Mensagens que me deixam feliz:

"5 anos, continuamos cá! abraço"

Coisa de gordos:

Nunca são gordos. Estão inchados.
E aposto que é por causa da retenção de líquidos.

Querido diário:

Dá-me paciência e um paninho para a embrulhar.

A Ivone e eu:

Falamos do futuro e percebemos que não estamos a viver o presente que deveriamos.

Celeste, conselhos práticos:

Reserva tudo para quem mais te aprecia.

Beijos, pessoas especiais:

Vejo a morte quase todos os dias. Não me impressiona, apenas me faz lembrar a vontade que tenho de estar perto de vocês.

Talvez sejamos metade de duas coisas:

O que pensamos que somos e a imagem que os outros têm de nós.

Conheces?

Aquelas pessoas que andam sempre a dizer que gostam de frontalidade mas depois quando a confrontamos com isso ficam chateadas.

Contra factos não há argumentos:

Todos os gordos gostam de gatos.

Um pau de dois bicos:

Os segredos são forças de bloqueio que de forma silenciosa e subtil se interpõe na relação com os outros.

Conheces?

Aquelas pessoas que pedem para que não se chore enquanto choram.

Também não sei a quem fui herdar esta mania.

Virgens - Dizem por aí:

"O sexo não é a coisa mais importante na vida."

A Ivone e eu:

"És a pessoa que eu sei que mesmo que não falemos durante dez anos eu posso ligar-te e saber que se precisar muito tu vais ter comigo a qualquer parte do mundo."

Ainda o iTunes:

Indie. Eletronica. Pop. Alternativa. Fado. Portuguesa. Brasileira. Hip-hop.

Estou para os generos de musica como para a vida, nos dias maus sou incoerente e nos dias bons sou recetiva a coisas novas.




iTunes:

Mais de 200 euros na minha wishlist.

Como é que se pode saber que é amor?

Questionas mas não duvidas.

Vai na volta...

... E se calhar os finais felizes são histórias que ainda não tiverem fim.

Dá-me um like:

Os estudantes foram à queima. As mães das minhas amigas escrevem mensagens de bons dias e boas noites. Os desempregados passam o dia a por likes aleatórios. Os que têm mais de 2000 amigos vão dizendo por onde andam. Os saloios publicam a comida que comem. Os intelectuais citam livros que o comum mortal não conhece nem entende. Os fracos aproveitam para mandar indiretas. Os treinadores de bancada mandam bitaites sobre futebol. Os que não percebem de tecnologias limitam-se a partilhar as coisas dos outros. Todos têm queixas mas quando saem à rua são semmpre "muito amigo do amigo", têm o sonho de "ser feliz" e odeiam pessoas "hipócritas que se metam na vida dos outros".


São modas:

Usam t-shirt e gorro ao mesmo tempo, não vá o tempo de repente pregar uma partida.

Dá-me um like:

Fotografam-se em tronco nu e depois consegue ver-se a casa de banho ao fundo.

Coisas modernas:

A facilidade que as pessoas têm de chamar amigos a pessoas que acabaram de conhecer.

Paradoxos:

Passam o dia a comer enquanto se queixam que estão gordas.

Conheces?

Aquelas pessoas que comentam no blog dos outros para auto-promover o próprio.
Fica mesmo bem transformarem a assinatura num endereço url.

Tão certo como dois e dois serem quatro:

A maior parte das pessoas que dizem que "mais vale só que mal acompanhada" é porque sabem que não arranjam ninguém.
Eu acho chato não ter ninguém para lavar a loiça.

Dá-me um like:

Escrevem cartas no facebook para as pessoas que já lhes morrerem.
Coitados, têm medo que se percam, todos sabem como são os correios em Portugal.

Contradições:

"Gosto muito de fado, o meu preferido é a Gaivota."

Contradições:

"Gosto muito de ler mas já não leio nada há muito tempo."

Depois admiram-se:

Há mulheres que insistem em usar calções com a celulite à vista. 

Devia fazer isto mais vezes:

Pediu-me um motivo para estar feliz. Apontei para os amigos.

A Ivone e eu:

Sempre que menti acreditou. Ontem contei-lhe a verdade e pensou que eu estava a gozar.