Sinto muito:

Queria dizer-te que sinto muito. Eu também me arrependo dos erros que jurei nunca cometer. Já caí nesses dias maus e de vez em quando ainda os sinto. Sinto muito. São as escolhas que nos decidem; as boas que nos devolvem a vida e as outras, que nos matam para nascermos outra vez. A felicidade não tem ciência nenhuma, é um caminho aberto para o futuro. Cada um sabe a força com que lhe rebenta o mar. Ve-lo não é o mesmo que estar lá dentro e todos sabemos que muitos enjoam.  E eu sinto muito. Sinto tudo. O passado que aprendi a não esquecer, o presente onde quero sempre estar e o futuro como meta de todas as utopias em que me deixo envolver. Queria dizer-te que sinto muito. Eu tambem sou feita de falhas, sei que o coração está exposto ao sangue, o ponto de partida e de chegada de todas as coisas mas ele bate para nos lembrar que estamos vivos.

Sem comentários:

Enviar um comentário